junho 18, 2017

(0) Comentários

LANCHONETE É ALVO DE FURTO PELA 22ª VEZ EM SANANDUVA

Informativo Regional

Os donos de uma  lanchonete no centro de Sananduva tem sofrido com furtos frequentes no local. Em quatro anos foram 22 vezes, nesta semana foram registradas mais duas ações de arrombamento dos ladrões. A lancheria  X do Alemão – que é em formato de quiosque-,  localizada próxima a rodoviária, foi arrombada e furtada duas vezes na mesma semana.  A primeira ação de  arrombamento aconteceu na quarta-feira, 13/06, por volta das 6h, e a segunda tentativa de furto aconteceu no sábado,17/06, por volta das 4h. “Me sinto  indignada, com raiva, triste, cansada revoltada e sem chão. Em 4 anos 22 vezes. Ser assaltado 2 vezes na mesma semana, quarta-feira e hoje de novo, desanima, desanima e muito. Quem nos conhece sabe o quanto trabalhamos, batalhamos e sofremos. Minha mãe me disse hoje,  que não tem mais vontade e nem força. Até quando isso?!”, fala a filha do proprietário da lanchonete, Marisse Schneider. Segundo Marisse, os ladrões quebraram o telhado, cortaram os fios de alarme e entraram. Nesses dois furtos da semana, eles roubaram mercadorias como chocolates e chicles, mas o foco principal foi o estoque de bebidas. Além do que eles não levam, jogam no chão e quebram.  “Quebraram brasilit, cortaram os fios do alarme e entraram. Eles levaram bastante bebida, chocolates, tudo que tinha. Agora o furto deste sábado, eles quebraram no mesmo lugar, mas como nós tínhamos feito uma coisa diferente no alarme, quando eles entraram disparou. Assim nós fomos lá, mas quando chegamos o cara estava correndo no meio da rua. A Brigada Militar veio, mas não conseguimos pegar ele”, conta Marisse sobre os últimos furtos. E em quase todas as tentativas de arrombamento os ladrões quebram o telhado, o que causa mais prejuízo, com conserto, além do furto. Também já teve arrombamentos que quebraram vidros e arrebentaram portas. Os proprietários do estabelecimento já perderam as contas do valor de prejuízo nesses 22 arrombamentos.   “Cada vez que eles vem temos o prejuízo das mercadorias furtadas e ainda gastamos para a recuperação do local. A gente tem que gastar para arrumar a cobertura – essa já tivemos que trovar várias vezes -, já arrebentaram a porta, quebraram vidros e o alarme a gente também gasta para trocar. Depois o que eles não levam de mercadoria, jogam tudo pelo chão, quebram. Tem coisas, por exemplo, como copos a gente nem consegue usar de novo, pois não sabemos o que eles fazem. Não temos nem noção de quanto já foi o prejuízo nesses furtos, mas foi bastante”, finaliza Marisse. Fonte/Caiobá Fm/ Márcia Tadioto Fotos:Facebook

Comente! em "LANCHONETE É ALVO DE FURTO PELA 22ª VEZ EM SANANDUVA"

Seja o primeiro a comentar!

Deixe um Comentário!
Nome : 
E-Mail : 
Website : 
Mensagem :