CURSO PRELIMINAR DE EXPANSÃO ESCOTEIRA EM SANANDUVA

Foi realizado em Sananduva nas dependências da Escola Municipal de Ensino Fundamental Santa Teresinha o Curso Preliminar de Expansão ministrado pela equipe de formação da União dos Escoteiros do Brasil, é a primeira etapa na formação do adulto no Movimento Escoteiro. O objetivo é instruir escotistas e prepará-los através de conhecimentos e práticas iniciais, que auxiliarão no processo de desenvolvimento dos jovens entre 7 e 21 anos ou como dirigente institucional em seu Grupo Escoteiro. Em Sananduva o curso tem o apoio do Grupo Escoteiro Fênix, pais, Poder Executivo e voluntários. Participam do curso em Sananduva, representações das cidades de Marau, Tapejara, São José do Ouro, Cacique Doble, Ibiaçá, Lagoa Vermelha, Sertão, Soledade, Carazinho, São João da Urtiga e Ipê. Destaque para presença na cerimônia de abertura do Prefeito Municipal de Sananduva Leomar Foscarini, Ligia Denise Ladwig Muraro coordenadora do 17º Distrito Escoteiro-RS, Geraldo Tiarajú Barbosa, Vice-Presidente da Região Escoteira do Rio Grande do Sul, Mário Miguel da Rosa Muraro coordenador do curso e demais lideranças escoteiras locais, regionais e estaduais. O Escotismo, desde sua formação em 1907, se alastrou rapidamente em todo mundo. Hoje, o Escotismo mundial estima a participação de mais de 30 milhões de jovens. É um movimento educacional de jovens, com a colaboração de adultos, voluntário, sem vínculos político-partidários, que valoriza a participação de pessoas de todas as origens sociais, raças e crenças, de acordo com o propósito, os princípios e o Método Escoteiro concebido pelo fundador, Baden-Powell.

O propósito do Movimento Escoteiro é contribuir para que os jovens assumam seu próprio desenvolvimento, especialmente do caráter, ajudando-os a realizar suas
plenas potencialidades físicas, intelectuais, sociais, afetivas e espirituais, como cidadãos responsáveis, participantes e úteis em suas comunidades, conforme definido no Projeto Educativo dos Escoteiros do Brasil.

No cenário atual do Escotismo brasileiro, acima de 20% dos associados dos Escoteiros do Brasil são adultos voluntários. Destes adultos, a maioria são pais de crianças e jovens que integram o Movimento Escoteiro ou foi membro juvenil As atividades previstas no Programa Educativo são possíveis de se realizar pela participação voluntária dos adultos. É importante que os pais das crianças e jovens
tenham clareza dos direitos e deveres que eles possuem como pais e responsáveis dentro do Movimento Escoteiro. A participação dos pais na vida escoteira de seus filhos é fundamental para o alcance da proposta educativa.
Quanto mais presente e atuante a família no grupo, mais fortalecido a relação criança/jovem com a sua família.

FOTOS NA GALERIA FOTOS/COBERTURAS

Compartilhe
O Informativo Regional